Menu

terça-feira, 20 de junho de 2017

Startup expande plataforma de comercialização de carros seminovos para a Europa

AutoAvaliar realizou lançamento do novo sistema em Portugal; empresa registra faturamento mensal de R$ 2 milhões no Brasil

SÃO PAULO - Com 20 mil lojistas e 1,7 mil concessionárias cadastradas na plataforma, a startup de Campinas AutoAvaliar inicia fase de expansão para Portugal. Em território europeu, o sistema terá a mesma lógica comercial aplicada no Brasil: facilitar a avaliação e comercialização de veículos seminovos entre os representantes das montadoras e os revendedores.

Vendendo seis mil carros por mês, a AutoAvaliar é um marketplace, onde concessionárias anunciam a venda de carros seminovos e os revendedores realizam ofertas para a compra desses veículos, como um pregão on-line.

Após isso, o lojista que fizer a melhor proposta leva o automóvel e paga uma taxa de R$ 250 à startup pelo negócio fechado. Na outra ponta, as concessionárias pagam uma mensalidade de R$ 400 pelo serviço de anúncio. 
Dessa maneira, em 2017, a empresa lançou uma nova plataforma  no World Shopper Iberian, um dos maiores eventos automobilísticos do mundo. Renomeado como AutoAction, por uma questão de estratégia comercial, o sistema funciona atualmente como um projeto piloto, com previsão para ingressar no mercado português marcada para o mês de julho.

Segundo o diretor da startup, Daniel Dino, Portugal pode ser a porta de entrada para outros mercados no continente, como por exemplo a Espanha. "O grande desafio é entender as particularidades locais, desde a legislação até como funcionam as taxas do país", declara Dino. Ainda de acordo com ele, a startup conta com uma equipe de cerca de 70 funcionários pelo Brasil e apresenta faturamento mensal de R$ 2 milhões.

O empresário esclarece que o projeto recém-lançado levou 1 ano e meio para ser estruturado e obteve investimento de R$ 1 milhão de capital próprio neste período para o desenvolvimento do sistema. Em termos de cobranças, as concessionárias portuguesas pagarão 299 euros mensais e os lojistas 199 por veículo negociado.


Em parceria com o grupo português Santogal, que atua no segmento varejista de multimarcas, a startup estima atingir participação de 10% no mercado de Portugal em 12 meses de operação nesse segmento. Integrado aos dados de estoques de concessionarias e lojistas, o sistema promove a avaliação de veículos e cotação de preços.

Fonte:http://www.dci.com.br/servicos/startup-expande-plataforma-de-comercializacao-de-carros-seminovos-para-a-europa-id631281.html